Biden anuncia perdão a condenados por posse de maconha

Medida beneficia milhares de pessoas que não conseguem trabalho ou casa para morar por terem sido presas com a erva

Carro & Cia
Carro & Cia, o melhor em atendimento e satisfação

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou nesta quinta-feira (6) um perdão a todas as pessoas com condenação federal pela posse simples de maconha. Mais de 6,5 mil indivíduos condenados serão afetados pelo indulto.

Com isso, Biden dá seus primeiros passos para descriminalizar a maconha, cumprindo uma promessa de campanha de “limpar a ficha” de condenados por essa infração e iniciando o processo de afrouxar a classificação federal sobre a droga.

DUETTO IDEAL – A MODA FEITA PARA VOCÊ

Além dos 6,5 mil beneficiados pelo país, a ação de Biden também abrange milhares de condenados pelo crime no Distrito de Columbia, onde fica a capital Washington. Ele também pede aos governadores que emitam indultos semelhantes para os condenados por posse de maconha sob leis estaduais, que são a grande maioria no país.

Além do indulto, Biden disse que instruiu o secretário de Saúde e Serviços Humanos, Xavier Becerra, e o procurador-geral Merrick Garland a começar a revisar como a maconha é classificada sob as leis federais de drogas.

“O governo federal atualmente classifica a maconha como uma substância de ‘Programa 1’, o mesmo que heroína e LSD – e mais grave que o fentanil”, diz Biden. “Isso não faz sentido.”

ANGRA DOS REIS EM GRANDE ESTILO. VOCÊ MERECE.

“Mandar pessoas para a prisão por portar maconha arruinou muitas vidas e prendeu pessoas por conduta que muitos estados não proíbem mais”, explica Biden em comunicado.

‘Barreiras desnecessárias’

Homem fuma 'charuto' de maconha nos EUA em 20 de abril de 2022 — Foto: Shannon Stapleton/Reuters
Homem fuma ‘charuto’ de maconha nos EUA em 20 de abril de 2022 — Foto: Shannon Stapleton/Reuters

No comunicado, Biden argumento:

“Passagens criminais por porte de maconha também impuseram barreiras desnecessárias a emprego, moradia e oportunidades educacionais. E, enquanto pessoas brancas, pretas e pardas usam maconha em taxas semelhantes, pessoas negras e pardas foram presas, processadas e condenadas em taxas desproporcionais”.

“Existem milhares de pessoas que foram condenadas por porte de maconha que podem ter negado emprego, moradia ou oportunidades educacionais como resultado”, afirmou o presidente americano.

“Meu perdão removerá esse fardo que pesa sobre eles.”

SAÚDE INTEGRAL E HUMANIZADA

Um comentário

  1. Wow, wonderful blog structure! How long have you ever been running a blog for?
    you made blogging look easy. The full look of your site is
    excellent, as well as the content material! You can see similar here najlepszy sklep

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *